Dia das Crianças promovido pelo INDESC no Bom Prato foi de muita festa Dia das Crianças promovido pelo INDESC no Bom Prato foi de muita festa
Não faltaram as guloseimas e animação para comemorar o evento já incorporado oficialmente pelas entidades de Jundiaí e região. “Tá na hora, tá na hora / Tá na... Dia das Crianças promovido pelo INDESC no Bom Prato foi de muita festa

Não faltaram as guloseimas e animação para comemorar o evento já incorporado oficialmente pelas entidades de Jundiaí e região.

“Tá na hora, tá na hora / Tá na hora de brincar / Pula-pula, bole-bole / Se embolando sem parar…” Essa foi uma das muitas canções tocadas e cantadas durante o almoço de confraternização do Dia das Crianças, em 7 de outubro, realizado pelo INDESC (Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e
Cultural), no Bom Prato Jundiaí.

A música foi apenas um complemento que alegrou os pequenos, uma vez que não faltaram as tradicionais brincadeiras, comandadas pelo recreacionista, Shamuel Cassavia, e que foram reproduzidas por outros tantos voluntários.

Afinal, como não se contagiar diante de tamanha recreação? A decoração impecável remetia à ideia do tema da festa “Noite dos Sonhos” e o cardápio especial (arroz, feijão, frango – tulipa e coxinha – salada de tomate e alface e refrigerante), sob a coordenação da nutricionista Kelly Cristina Barbosa, foi saboreado pelas crianças. Todas elas foram contempladas na saída do Bom Prato com guloseimas (kit de doces, pipoca, algodão doce e sorvete) e, para completar a diversão, ganharam uma bola de presente.

As entidades de Jundiaí e região (veja a lista) foram responsáveis por levar cerca de 1.300 crianças para comemorar a 12ª edição, data já incorporada ao calendário oficial de eventos de muitas dessas organizações. “Essas entidades deixaram de promover seus próprios eventos e passaram a festejar o Dia das Crianças no Bom Prato Jundiaí”, salientou Luiz Gonzaga Silva Nascimento, presidente do INDESC.

Durante as festividades, o presidente do instituto apresentou a “madrinha do INDESC”, Marialice Fossen, viúva de Ary Fossen (que foi prefeito de Jundiaí, gestões 2005 e 2008), que mais uma vez participou das comemorações. “Estou muito feliz de estar aqui e de compartilhar esse momento com as crianças”, disse a ex-primeira dama da cidade, ressaltando a importância do Bom Prato Jundiaí para os munícipes que podem contar com uma alimentação de qualidade, balançada e a preço acessível para as camadas menos favorecidas economicamente.

Na oportunidade, o presidente do INDESC aproveitou para agradecer às crianças, entidades parceiras, visitantes, voluntários (cerca de 90), ao Governo do Estado de São Paulo, Prefeitura de Jundiaí, Guarda Civil Metropolitana, Unidade de Gestão Mobilidade e Transporte (responsável pelo translado das crianças das entidades para o Bom Prato) e SINTERCOJ (Sindicato dos Trabalhadores em Refeições Coletivas de Jundiaí e Região). Ele, ainda, fez um agradecimento às empresas que também contribuíram para o sucesso da iniciativa. Foram elas: Uniodonto, Empório Mega 100, Espaço Célia Santucci, DKP Seguros, Indústria de Panificação Mairipão, Elétrica Cerit, Parazzi Supermercados, Célia Bom Gourmet, Berga Mais Alimentação, De Lucca Buffet e Eventos, A D`oro, Açougue Paulista, Jund Embalagens, RB Sistemas, Vita Suco, Ômega e Fio a Fio.

Crianças voluntárias – Aproximadamente 90 voluntários deixaram suas atividades de lado para dedicar um tempo especial aos pequenos. Destaque para um trio de meninas, com idade de 12 anos, satisfeitas em tomar parte das festividades e de ali estarem para servir às demais crianças das instituições. Foram elas: Gabrielli Pereira (juntamente com a mãe, Joana D`Arc, integrante da diretoria do INDESC), Maria Gabriela Campos de Aquino e Milena Braga (sempre acompanhado a avó, Francisca Braga, funcionária do INDESC).

Do outro lado, todo contente à exemplo de todas as demais crianças presentes, Lucas Daniel Aguiar de Campos (10 anos), do Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (CEDECA) aproveitou o evento para brincar e fazer novas amizades. “A festa foi muito legal, com comida boa e muitas brincadeiras. Fiz aqui novos amigos”, afirmou.

Crianças que já superaram sérios problemas de saúde, como Ianca Karoline Geraldo (15 anos), que mora na Associação Casa Nazaré, mostrava mais que um sorriso no rosto, enquanto que a outrora tímida e hoje líder de equipe infantil da Associação Acolhimento Bom Pastor, Tatiane Gandra dos Santos (8 anos) fazia questão de expressar seu contentamento.

Para o psicólogo Bruno Barbosa, da Associação Acolhimento Bom Pastor, a festa acaba sendo um dia diferente e especial para todas as crianças.  “Esse é um momento social importante para elas, pois representa para muitas a oportunidade de saírem da rotina e dos limites de suas casas, instituições e bairros”, sintetizou.

“Esse evento não é gratificante só para as crianças, mas para todos nós que estamos envolvidos. Os pequenos vivem nos cobrando para participarmos dessa festa”, completou Rosângela Aparecida Tealis, coordenadora da Futura.

Confira as fotos especiais dessa festa!

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *